Quarta Feira, 27 Outubro 2021

Linguagem Selecionada: PORTUGUÊS BR

Inicio > Posts > Política Agressiva

Arcebispo de Jerusalém: 'Acordos comerciais entre alguns países árabes e Israel são crimes de guerra'

Teodósio Atallah Hanna, arcebispo de Sebastia do Patriarcado Ortodoxo de Jerusalém Ocupada, afirmou que os acordos comerciais entre alguns países árabes que normalizaram as relações com a ocupação colonialista ilegal israelense da Palestina correspondem a “crimes de guerra”. Esses acordos são ilegais, imorais e correspondem a uma tentativa das ditaduras de legitimar e legalizar os crimes que Israel comete diariamente contra o povo palestino, crimes que são denunciados diariamente por todas as organizações humanitárias do mundo.

Em um comunicado divulgado no sábado, 16 de janeiro de 2020, o arcebispo Hanna declarou que os acordos comerciais entre esses países e Israel, incluindo acordos para importar produtos das colônias ilegais de Israel construídas em terras palestinas usurpadas, são nada menos do que crimes de guerra. “As colônias foram construídas em terras que foram roubadas do povo palestino; portanto, os acordos comerciais com eles são ilegais e correspondem a uma tentativa de legitimar e legalizar os crimes ”.

 

Acrescentou que, esses acordos duvidosos são um completo desrespeito pela justa e legítima causa palestina, uma causa que devemos sempre defender. Também pediu aos estados árabes que estão normalizando os laços com a ocupação ilegal que corrijam suas decisões e apoiem totalmente o povo palestino sob ocupação, que tem sido alvo de injustiças permanentes, ao invés de aliar-se a uma ocupação colonialista ilegal. 

 

Fonte: Correspondente PalestinaLibre.org em Jerusalém ocupada

Tradução: IBRASPAL

  • Gravatar - Post by
    postado por: IBRASPAL
  • postado em:
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Copyright © 2021 IBRASPAL - Instituto Brasil Palestina. All Rights Reserved.