Segunda Feira, 03 Agosto 2020

Linguagem Selecionada: PORTUGUÊS BR

Inicio > Posts > Documentos internacionais e decisões legais

As manifestações palestinas em Gaza serão realizadas um dia por mês e não toda sexta-feira

A comissão que organiza as mobilizações semanais na Faixa de Gaza, no âmbito da "Grande Marcha do Retorno", anunciou terça-feira que os protestos ocorrerão uma vez por mês, em vez de toda sexta-feira.

 

A Comissão Suprema para a Marcha do Retorno e contra o Cerco indicou que as manifestações também ocorrerão em ocasiões nacionais, sem dar mais detalhes, conforme relatado pela agência de notícias palestina Maan.

Yusri Darwich, membro da organização, indicou que "é natural que as mobilizações sejam avaliadas de tempos em tempos e escutem as massas", antes de acrescentar que haverá um calendário de eventos para 30 de março, quando a segunda será cumprida, na ocasião do aniversário do começo desse evento.

Também enfatizou que esses protestos conseguiram lidar com o "acordo do século", o plano de paz preparado pelos Estados Unidos, e acrescentou que a comissão continuará trabalhando para manter os protestos vivos.

Os protestos da `` Grande Marcha do Retorno '' ocorrem todas as sextas-feiras desde 30 de março de 2018 e resultaram na morte de mais de 210 palestinos e um soldado israelense.

No entanto, a participação nas mobilizações diminuiu nas últimas semanas, um pouco atribuída aos esforços diplomáticos do Egito, Catar e Nações Unidas para evitar um confronto em larga escala entre Israel e o Hamas.

Os protestos pela 'Grande Marcha do Retorno' tem o objetivo de reivindicar o direito dos refugiados palestinos em retornar às casas onde residiam antes da criação do Estado de Israel em 1948.

 

Fonte: Agência de Imprensa Europa

Tradução: IBRASPAL

  • Gravatar - Post by
    postado por: IBRASPAL
  • postado em:
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Copyright © 2020 IBRASPAL - Instituto Brasil Palestina. All Rights Reserved.