Segunda Feira, 03 Agosto 2020

Linguagem Selecionada: PORTUGUÊS BR

Inicio > Posts > Documentos internacionais e decisões legais

Autoridade Palestina reafirma o Vale do Jordão como ‘parte indivisível’ das terras palestinas

Mohammad Shtayyeh, Primeiro-Ministro da Autoridade Palestina, reafirmou nesta segunda-feira (16) que o Vale do Jordão e norte do Mar Morto são “partes indivisíveis” das terras palestinas. As informações são da rede de notícias Arab48.

O primeiro-ministro fez tais comentários durante uma reunião da Autoridade Palestina realizada na aldeia de Fasayel, na Cisjordânia, e enfatizou que os 1.622 km² de território relativo ao Vale do Jordão abrangem 28 por cento de toda a área da Cisjordânia ocupada.

A reunião e os comentários subsequentes vieram em resposta às promessas feitas pelo Primeiro-Ministro de Israel Benjamin Netanyahu de que anexará o Vale do Jordão e o norte do Mar Morto caso vença as eleições gerais israelenses, realizadas hoje.

“Isso não passa de uma promessa eleitoral,” insistiu Shtayyeh. “Entretanto, o governo da Autoridade Palestina se reúne hoje [segunda-feira] no Vale do Jordão não para condenar ou denunciar, mas sim para estar presente entre nosso povo e fortalecer sua resistência às questões relacionadas à pecuária, construção de reservatórios de água e reabilitação da Piscina Romana, que irrigará mais de 3.500 dunams de terra em Fasayel.”

Shtayyeh reiterou: “Os palestinos estavam aqui antes de chegarem os colonos judeus e os colonos estão aqui ilegalmente.” Segundo ele, o governo da Autoridade Palestina levará Israel às cortes internacionais pela exploração ilegal das terras palestinas no Vale do Jordão. “Continuaremos a lutar contra a ocupação a partir da base e em diversos fóruns internacionais. O governo tomará decisões que apoiem a resistência de nosso povo na Palestina.”

 

Fonte: Middle East Monitor

  • Gravatar - Post by
    postado por: IBRASPAL
  • postado em:
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Copyright © 2020 IBRASPAL - Instituto Brasil Palestina. All Rights Reserved.