Domingo, 21 Abril 2024

Linguagem Selecionada: PORTUGUÊS BR

Inicio > Posts > Política Agressiva

Estúdios Marvel criticados por romantizar a brutalidade de Israel contra os palestinos

Os estúdios Marvel, uma produtora americana de cinema e televisão fundada por um empresário israelense americano, foram criticados por romantizar os ataques brutais de Israel e o assassinato de palestinos.

A Marvel Studios anunciou que o Capitão América: A Nova Ordem Mundial apresentará um personagem chamado Sabra, um policial israelense e espião da Mossad, a agência governamental israelense responsável por matar e prender milhares de palestinos.

 

"A perturbadora história de origem do personagem centra-se na morte de uma criança palestina, empregando uma série de estereótipos racistas, anti-muçulmanos e representações desumanizantes dos palestinos - tudo isso enquanto glorifica a violência militar israelense", disse o Institute for Middle East Understanding (IMEU), uma organização sem fins lucrativos, sediada nos Estados Unidos.

 

"O caráter de Marvel Sabra é uma lembrança insensível das atrocidades aos direitos humanos de Israel", disse ele, pois este mês marca o 40o aniversário do massacre de Sabra e Shatila quando milhares de civis palestinos e libaneses foram brutalmente assassinados enquanto o exército israelense, que invadiu e ocupou a capital libanesa, Beirute, em setembro de 1982, não só assistiu como até mesmo facilitou a carnificina.

 

O IMEU disse que não há nada de heróico na brutal ocupação militar de Israel.

 

"Ao glorificar o exército e a polícia israelenses, a Marvel está promovendo a violência de Israel contra os palestinos e permitindo a contínua opressão de milhões de palestinos que vivem sob o regime militar autoritário de Israel", disse ela.

 

A Marvel Studios é uma produtora americana de cinema e televisão que é uma subsidiária da Walt Disney Studios. Ela produz filmes do Universo Marvel Cinematic, baseados em personagens que aparecem nas publicações da Marvel Comics. Seu fundador, presidente e CEO é Avi Arad, um homem de negócios e produtor de filmes israelense-americano.

 

Fonte: https://daysofpalestine.ps/marvel-studios-slashed-for-promoting-israels-brutality-against-palestinians/

  • Gravatar - Post by
    postado por: Days of Palestine
  • postado em:
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Copyright © 2024 IBRASPAL - Instituto Brasil Palestina. All Rights Reserved.