Domingo, 16 Junho 2019

Linguagem Selecionada: PORTUGUÊS BR

Inicio > Posts > Terrorismo Israelense

Israel já matou 256 pessoas e feriu 30 mil desde o início da Marcha do Retorno

Soldados sionistas reprimiram mais uma vez manifestação desta sexta-feira, 4

Por Lúcia Rodrigues
Ibraspal


As forças de repressão israelenses voltaram a atacar manifestantes palestinos desarmados que participavam do ato da Marcha do Retorno, nesta sexta-feira, 4, na Faixa de Gaza.



Desde o início dos protestos da Marcha do Retorno, em 30 de março, Israel já matou 256 palestinos e feriu aproximadamente 30 mil pessoas.



Na manifestação desta sexta não houve nenhuma morte, pelo menos até o momento.



Mas os soldados sionistas feriram dezenas de pessoas, inclusive crianças.



Os militares lançaram bombas de gás lacrimogêneo e dispararam tiros de balas borracha e de armas de fogo contra palestinos que estavam próximos à cerca que separa Gaza de Israel.



Os manifestantes pedem o fim do cerco à Faixa de Gaza, que Israel impôs há mais de uma década.



E lutam pelo direito de retorno às propriedades das quais suas famílias foram expulsas em 1948 por sionistas que se mudaram para os locais.



Com informações do Middle East Monitor 

  • Gravatar - Post by
    postado por: Lúcia Rodrigues
  • postado em:
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Copyright © 2019 IBRASPAL - Instituto Brasil Palestina. All Rights Reserved.