Segunda Feira, 22 Outubro 2018

Linguagem Selecionada: PORTUGUÊS BR

Inicio > Posts > Política Agressiva

Israel mantém 92 palestinas presas, 13 delas menores de idade e cinco jornalistas

A poetisa Dareen Tatour foi condenada porque seus poemas foram considerados hostis

Por Lúcia Rodrigues
Ibraspal

 

O governo israelense mantém detidas em suas prisões 92 mulheres palestinas, 13 delas menores de idade e cinco jornalistas. A última prisão ocorreu nesta semana.

 

A poetisa Dareen Tatour, 36 anos, foi condenada a cinco meses de prisão porque seus poemas foram considerados pelas autoridades sionistas como incitação contra Israel.

 

Em 2015, Dareen foi presa pelo mesmo motivo. Ele permaneceu três meses em regime fechado e dois anos e meio em prisão domiciliar.

 

Assim como agora, a poetisa divulgou os escritos nas redes sociais, que foram considerados ataques a Israel. O governo também a acusa de ter “ligação com partidos hostis” ao sionismo.

 

O jornalismo crítico a Israel também é duramente reprimido pelos israelenses. Há cinco mulheres jornalistas presas em cárceres israelenses neste momento por escreverem matérias que foram consideradas ofensivas pelo governo de Tel Aviv.

Na semana passada, a jornalista e escritora Lama Khater foi presa em sua casa por volta da meia noite. A foto dela se despedindo do filho mostra a crueldade do regime sionista.

Com informações da Quds News e Quds Press

  • Gravatar - Post by
    postado por: Lúcia Rodrigues
  • postado em:
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Copyright © 2018 IBRASPAL - Instituto Brasil Palestina. All Rights Reserved.