Segunda Feira, 16 Setembro 2019

Linguagem Selecionada: PORTUGUÊS BR

Inicio > Posts > Política Agressiva

Israel rouba terras palestinas em Belém para expandir assentamentos

Um dos projetos de assentamento está pavimentando uma estrada apenas para colonos que consumiriam centenas de terras agrícolas palestinas.

As autoridades de ocupação israelense emitiram três ordens militares para confiscar terras palestinas na província de Belém na Cisjordânia para usar na expansão dos assentamentos.

O chefe do Comitê Contra o Muro e os Assentamentos em Belém, Hassan Bureijia, disse que a primeira ordem militar está relacionada às terras palestinas na área de Al-Makhrour, na cidade de Beit Jala.

Ele afirmou que a terra é de propriedade do povo palestino no bairro de Beit Jala e Al-Khader.

Bureijia disse que essas terras agrícolas, estimadas em centenas de dunamis, devem expandir a estrada número 60, que liga Jerusalém ao bloco de Gush Etzion.

Bureijia disse que a outra ordem militar se relacionava com terras no bairro de Al-Rashaydeh, a leste de Belém.

Ele disse que esta terra deve ser usada para a expansão do assentamento ilegal de Maali Amos.

A terceira ordem militar, disse Bureijia, está relacionada às terras palestinas na vila de Taqu, no sul de Belém, e deve ser usada para a expansão dos assentamentos de Nikudim.

As cidades, vilas e bairros de Belém estão sujeitos ao aumento do roubo de terras por Israel em favor da expansão de projetos ilegais de assentamentos israelenses.

 

Fonte: Palestine Post 24

Tradução: IBRASPAL

  • Gravatar - Post by
    postado por: IBRASPAL
  • postado em:
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Copyright © 2019 IBRASPAL - Instituto Brasil Palestina. All Rights Reserved.