Quarta Feira, 27 Outubro 2021

Linguagem Selecionada: PORTUGUÊS BR

Inicio > Posts > Política Agressiva

Israel estende a prisão de criança doente de Jerusalém

Hoje, quarta-feira, a Autoridade para Assuntos de Prisioneiros e Executivos disse que o Tribunal de Ocupação de Jerusalém decidiu libertar o filho de Jerusalém doente Abd ِAl-Rahman Al-Bashiti com a condição de que seja removido da Cidade Velha de Jerusalém e preso em casa em Shuafat.

Israel prendeu o menino diabético, Abd ِAl-Rahman Al-Bashiti, em 4 de janeiro de 2021 e o transferiu para o hospital no dia de sua prisão, depois que o nível de açúcar no sangue subiu para 650 e nenhum medicamento ou testador de glicose foi fornecido a ele.

 

As forças israelenses prenderam Al-Bashiti mais de 20 vezes, além de várias decisões de deportação e multas emitidas contra ele.

 

A comissão acrescentou em sua declaração que o tribunal deu à promotoria até esta noite para apelar da decisão.

 

O menino, Abd ِAl-Rahman Al-Bashiti, sofre de diabetes. Desde sua prisão, sofre de altos níveis de açúcar no sangue, negligência médica e interrogatórios severos nas celas.

 

O Escritório de Mídia para Prisioneiros Palestinos afirmou que Israel está perseguindo crianças de Jerusalém com duras medidas de segurança, incluindo prendê-las e interrogá-las de maneira cruel e dolorosa e impor a pena de confinamento em casa e deportação da família, apesar da pouca idade.

 

Fonte: Safa

Tradução: IBRASPAL

  • Gravatar - Post by
    postado por: IBRASPAL
  • postado em:
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Copyright © 2021 IBRASPAL - Instituto Brasil Palestina. All Rights Reserved.