Segunda Feira, 19 Novembro 2018

Linguagem Selecionada: PORTUGUÊS BR

Inicio > Posts > Política Agressiva

Roger Waters diz que Israel não vai parar até a eliminação do último palestino

E instou artistas de todo mundo a não se relacionar com organizações israelenses

Por Lúcia Rodrigues
Ibraspal

 

O ex-líder do Pink Floyd, Roger Waters, disse em Montevidéu que Israel não vai parar até eliminar o último palestino da terra histórica da Palestina.

 

“A falsa narrativa da terra sem gente e da gente sem terra é uma m...”, frisou.

 

Waters ressaltou que os palestinos foram desterrados de seu território onde seus ancestrais viveram milhares de anos.

 

“A Palestina existe há mais de dois mil anos e ali havia uma população e cultura prósperas. O povo judeu também estava lá, mas era apenas 10%”, enfatiza.

 

Ele recorda que os palestinos foram tirados à força de suas moradias. E que suas casas foram demolidas por tratores. “Em Gaza, foram bombardeadas.”

 

Waters também ressaltou que Israel insiste em criminalizar o BDS (Boicote, Desenvestimentos e Sanções) ao classificá-lo como anti-semita.

 

O músico deixa claro que o apoio à Palestina não tem nada a ver com religião e consiste em uma crítica a um Estado e às políticas implementadas contra um povo.

 

E instou os artistas de todo mundo a não se relacionar com nenhuma organização de Israel. Ele assegurou que “Israel não é uma democracia.”

 


Com informações de Marca.com

  • Gravatar - Post by
    postado por: Lúcia Rodrigues
  • postado em:
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Copyright © 2018 IBRASPAL - Instituto Brasil Palestina. All Rights Reserved.