Sexta Feira, 22 Janeiro 2021

Linguagem Selecionada: PORTUGUÊS BR

Inicio > Posts > Terrorismo Israelense

Tribunal militar de Israel condena criança a 5 anos de prisão

O tribunal militar israelense sentenciou no domingo a criança palestina Samer Abdel Kareem Oweis (17 anos) de Jenin a 5 anos de prisão.

As forças israelenses prenderam a criança em 15 de abril de 2019.  foi colocado em confinamento solitário e submetida a tortura por dois meses nas prisões do assentamento Petah Tikva.

Desde que ele foi preso, as autoridades israelenses recusaram permitir que ele se encontrasse com seu pai na prisão, Abdel Kareem Oweis. O pai é condenado à prisão perpétua, e ele junto com seu irmão Hassan foi alvo de um julgamento por assassinato.

As forças israelenses prenderam o irmão de Samer, Rateb, em 15 de janeiro de 2019, reunindo-o com seu pai e permitindo-lhe abraçar seu pai pela primeira vez desde que nasceu. Em 14 de julho de 2020, Rateb foi libertado após cumprir sua sentença de um ano e meio de prisão.

O irmão de Abdel Kareem, Hassan, foi preso em 2004 quando cumpria duas penas de prisão perpétua e 20 anos de prisão. Seu irmão Samer foi assassinado em 2002 pelo exército israelense em um ataque de assassinato com duas bombas que foram lançadas em seu carro no campo de refugiados de Al Am’ari.

A família de Abdel Kareem foi impedida de visitar ele na prisão.



Fonte: Europal Forum

Tradução: IBRASPAL

  • Gravatar - Post by
    postado por: IBRASPAL
  • postado em:
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Copyright © 2021 IBRASPAL - Instituto Brasil Palestina. All Rights Reserved.