Quinta Feira, 18 Julho 2024

Linguagem Selecionada: PORTUGUÊS BR

Inicio > Posts > Povo Palestino

Veja os números atualizados do genocídio em Gaza

Secretaria de Informação Governamental: As estatísticas mais importantes da guerra de genocídio perpetrada pela ocupação contra a Faixa de Gaza para o dia 165:

Secretaria de Informação Governamental: As estatísticas mais importantes da guerra de genocídio perpetrada pela ocupação contra a Faixa de Gaza para o dia 165:

  • 165 dias de guerra de genocídio.
  • 2.807 massacres cometidos pelo exército de ocupação.
  • 38.819 mártires e desaparecidos.
  • 31.819 mártires que chegaram aos hospitais.
  • 14.000 mártires infantis.
  • 27 crianças martirizadas devido à fome.
  • 9.220 mártires femininas.
  • 364 mártires da equipe médica.
  • 48 mártires dos bombeiros.
  • 135 mártires jornalistas.
  • 7.000 desaparecidos.
  • 73.934 feridos.
  • 72% das vítimas são crianças e mulheres.
  • 17.000 crianças vivem sem um ou ambos os pais.
  • 11.000 feridos precisam viajar para tratamento “salvador de vidas e crítico”.
  • 10.000 pacientes com câncer enfrentando risco de morte.
  • 700.000 infectados por doenças infecciosas devido ao deslocamento.
  • 8.000 casos de hepatite viral por deslocamento.
  • 60.000 mulheres grávidas em risco devido à falta de cuidados de saúde.
  • 350.000 pacientes crônicos em risco devido à falta de medicamentos.
  • 269 prisões de profissionais de saúde.
  • 10 prisões de jornalistas cujos nomes são conhecidos.
  • 2 milhões de deslocados na Faixa de Gaza.
  • 168 sedes governamentais destruídas pela ocupação.
  • 100 escolas e universidades completamente destruídas pela ocupação.
  • 305 escolas e universidades parcialmente destruídas pela ocupação.
  • 224 mesquitas totalmente destruídas pela ocupação.
  • 290 mesquitas parcialmente destruídas pela ocupação.
  • 3 igrejas alvejadas e destruídas pela ocupação.
  • 70.000 unidades habitacionais totalmente destruídas pela ocupação.
  • 290.000 unidades habitacionais parcialmente destruídas pela ocupação e não adequadas para habitação.
  • 70.000 toneladas de explosivos lançados pela ocupação sobre Gaza.
  • 32 hospitais retirados de serviço pela ocupação.
  • 53 centros de saúde retirados de serviço pela ocupação.
  • 155 instituições de saúde alvejadas pela ocupação.
  • 126 ambulâncias alvejadas pelo exército de ocupação.
  • 200 locais arqueológicos e patrimoniais destruídos pela ocupação.

  • Gravatar - Post by
    postado por: Ibraspal
  • postado em:
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Copyright © 2024 IBRASPAL - Instituto Brasil Palestina. All Rights Reserved.